Projeto “Canção do Exílio” no Festival Popular

Para abrir os trabalhos em grande estilo, a organização da 3ª edição do Festival Popular de Teatro de Fortaleza vai apresentar, em sua cerimônia de abertura, o Projeto Canção do Exílio. O show será na Praça do Ferreira, a partir das 19h do dia 05 de novembro. O show vai relembrar alguns nomes do cenário musical do Ceará nos anos 1970, geração de artistas que, até hoje, é conhecida como “Pessoal do Ceará”.

Canção do Exílio” reúne num palco a cantora Natasha Faria e os músicos André Benedecti, Moacir Bedê e Fábio Amaral. Eles deram uma nova roupagem às músicas, com novos arranjos e novos acordes, misturando ritmos tradicionais e música eletrônica. Entre os compositores: Fagner, Belchior, Ednardo, Fausto Nilo e Petrúcio Maia.

Dentro da proposta do projeto, o grupo leva ao público versões de “Noves Fora”, samba gravado por Elis Regina, mas de autoria de Fagner e Belchior e “Postal do Amor”, de Ricardo Bezerra e Fausto Nilo. Além dessas, “Manga Rosa”, de Ednardo; e “Cigano”, de Fagner, também estão no repertório. “Cigano” é uma das poucas músicas que Fagner compôs sozinho.

O líder do projeto, o violonista e guitarrista Moacir Bedê, contou que a pesquisa de repertório durou seis meses. “Esse repertório foi se perdendo no tempo e hoje em dia as novas gerações não conhecem, inclusive os músicos”, avalia. A intenção é justamente essa: estimular a propagação das composições que ainda não são tão conhecidas pela maioria da população.

A apresentação de “Canção do Exílio” será totalmente gratuita, permitindo assim, um maior contato do povo com as artes.

(Com informações de O Povo)

SERVIÇO

Show Canção do Exílio, com Natasha Faria, Moacir Bedê e Fábio Amaral

Quando: 05 de novembro, a partir das 19h.

Onde: Praça do Ferreira

Outras informações: 3032-3252

Deixe uma resposta

(*) Required, Your email will not be published